Jamie Harrison, de 13 anos, foi picado em casa, na cidade de Torquay, Devon, Reino Unido. Era uma falsa viúva negra (Steatoda nobilis) e, apesar de não ser letal como a verdadeira, pode causar estragos e até amputações se for não for tratada com rapidez. O local inchou rapidamente. Harrison foi picado enquanto dormia e levado às pressas para o hospital pelo pai, David. “Foi horrível, começou a sair pus preto da ferida”, lembra o adolescente.

O médico não teve outra saída se não retirar todo o veneno. Segundo o garoto, o procedimento foi extremamente dolorido. “Ele usou as mãos para espremer tudo. Foi terrível”. Após o veneno ser drenado, a cavidade foi preenchida com gaze. “Foi um alívio, mas eu fiquei com um buraco grande no meu braço por causa da mordida”.

Durante quatro semanas, ele não conseguiu fazer muita coisa, além de ficar em repouso e tomar muitos antibióticos. “Eu realmente não achava que aranhas pudessem fazer isso”, disse Harrison após o incidente.

Fonte: R7

No Comment

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *